Deus corrige quem Ele ama

/uploads/posts/Deus corrige quem Ele ama

"Nenhuma disciplina parece ser motivo de alegria no momento, mas sim de tristeza. Mais tarde, porém, produz fruto de justiça e paz para aqueles que por ela foram exercitados" (Hebreus 12:11).

Deus, através do Seu infinito amor, permitiu que sejamos filhos Dele quando recebemos a Cristo como nosso salvador. Apesar da nossa infidelidade e de não merecermos nada, o Senhor nos adotou e nos fez membros de Sua família. Como é bom viver esse amor, não é mesmo? É um amor inexplicável, que vai muito mais além do nosso entendimento. (Leia: Deus nos adotou e agora somos filhos)

Todo pai quer que o seu filho ande pelo caminho correto. Se o filho faz algo de errado ou tem se comportado mal, o pai disciplina o filho, corrigindo-o para que, no futuro, ele não sofra com as consequências de suas atitudes erradas. Mas a correção nem sempre é muito agradável. Porém, o pai toma essa atitude porque ama o filho e se importa com ele.

Como bom pai, Deus faz o mesmo com a gente. "Pois o Senhor disciplina a quem ama, e castiga todo aquele a quem aceita como filho" (Hebreus 12:6). Somos seres humanos e, por isso, falhamos muitas vezes. Tomamos decisões erradas, desejamos aquilo que é pecado e nos comportamos de uma forma que não agrada a Deus. E é lógico que Ele não ficaria de braços cruzados vendo tudo isso acontecer. Então, Deus corrige e nos disciplina, para que possamos voltar ao caminho certo.

Você já foi repreendido por Deus alguma vez? Eu já fui corrigido várias vezes e posso dizer que não é nada agradável, mas depois eu O glorifiquei, pois vi o quanto foi importante para que meus olhos espirituais se abrissem e eu enxergasse os erros e pecados que estavam escondidos em meu coração. O Senhor faz isso porque nos ama! Imagine se Ele nos deixasse sem correção? Onde estaríamos hoje? Por isso, toda vez que você for repreendido, glorifique o nome do Senhor, porque é sinal de que Ele te ama muito!

Deus sabe de todas as coisas e enxerga o que não conseguimos enxergar. Nós vemos o agora, mas Ele vê o futuro. Por isso sabe o que é melhor para cada um de nós. Se fazemos algo que está fora de Seus planos, Ele vai nos corrigir através das circunstâncias e do sofrimento. Veja o exemplo dos hebreus libertos da escravidão no Egito. Aquele povo desobedeceu e desonrou tanto a Deus, que teve que passar 40 anos no deserto antes de chegar à terra prometida. Porém, mesmo durante os anos de correção, Deus nunca os abandonou. Ele sempre supriu todas as suas necessidades e os protegeu de tudo. E o mesmo acontece com a gente. Por mais que Deus nos corrija e nos disciplina, Ele não nos abandona nunca; sempre estará ao nosso lado nos confortando, até que aprendamos a lição e voltemos a ser filhos obedientes. Veja o que Ele prometeu: "Nunca o deixarei, nunca o abandonarei" (Hebreus 13:5).

Eu não sei quanto a você, mas eu perdi as contas de quantas vezes, na adolescência, fui rebelde com o meu pai, depois que ele me disciplinou. Mas, com o passar do tempos, cheguei à conclusão de que ele sempre esteve certo. Com Deus também é assim! Achamos que sabemos alguma coisa, quando na verdade não sabemos nada. Ele é quem sabe! Então, antes de reclamar, lembre-se do que a Palavra diz: "Meu filho, não despreze a disciplina do Senhor nem se magoe com a sua repreensão, pois o Senhor disciplina a quem ama, assim como o pai faz ao filho de quem deseja o bem" (Provérbios 3:11-12).

Mesmo que a correção de Deus pareça ser ruim no momento, devemos crer que Ele não fará nada que não seja bom para nós. A correção do Pai deve ser motivo de alegria, porque se Ele não nos disciplinasse, o Seu amor não seria perfeito, pois amar também significa cuidar, proteger, querer o bem e não satisfazer todas as nossas vontades.

"Como é feliz o homem a quem Deus corrige; portanto, não despreze a disciplina do Todo-poderoso. Pois ele fere, mas dela vem tratar; ele machuca, mas suas mãos também curam" (Jó 5:17,18).

LEIA TAMBÉM:
O amor de Deus não falha
Porque a correção de Deus dói
Deus não está com raiva de você