O namoro e o jugo desigual

/uploads/posts/O namoro e o jugo desigual

Muitas pessoas me perguntam sobre o namoro com jugo desigual, ou seja, aquele em que um cristão se relaciona com um não cristão. E geralmente elas usam argumentos, como: "ele(a) não serve a Deus, mas é uma pessoa muito boa. O que tem de errado nisso?".

No entanto, a Bíblia diz que não basta a pessoa ser 'gente boa' se ela não professa a mesma fé que você. Há um versículo no livro de Amós que diz: "Duas pessoas andarão juntas se não tiverem de acordo?" (Amós 3:3). A verdade é que é praticamente impossível haver comunhão e um relacionamento totalmente saudável quando um casal possui valores diferentes. Por mais que se amem, haverá algum momento em que os dois entrarão em conflito.

Conheço casos de pessoas que sofrem muito em casamentos onde um dos dois não é cristão. Isso acontece porque uma pessoa que não nasceu de novo espiritualmente, por mais que queira, não consegue obedecer a Palavra de Deus. - "A mentalidade da carne é inimiga de Deus porque não se submete à lei de Deus, nem pode fazê-lo. Quem é dominado pela carne não pode agradar a Deus" (Romanos 8:7-8). (Leia: O que significa aceitar Jesus como salvador?)

Muitas pessoas apostam que o namorado ou namorada irá se converter após o casamento. Mas quem garante? Alguns, inclusive, chegam até a usar a passagem de Atos 16:31 fora do contexto: "Creia no Senhor Jesus, e serão salvos, você e os de sua casa". Elas acreditam que, após o casamento, basta declarar esse versículo e o cônjuge se converterá. É claro que existem casos que, para a glória do Senhor, o cônjuge se converte com o tempo. Mas infelizmente nem sempre é assim. Por isso o apóstolo Paulo alertou: "Não se ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a justiça e a maldade? Ou que comunhão pode ter a luz com as trevas?" (2 Coríntios 6:14).

Para compreendermos melhor, precisamos saber qual o significado de jugo. Jugo é uma peça de madeira colocada sobre dois bois que, unidos, puxam uma carroça ou um arado. Vamos imaginar que, em vez de dois bois, colocássemos um boi e um bode nesse jugo. Teríamos um jugo desigual e, por mais que os dois animais se esforçassem, o trabalho seria prejudicado e eles sofreriam muito. Isso acontece porque cada animal tem ritmos e características muito diferentes.

E, da mesma forma, isso acontece com as pessoas. Se um cristão comprometido com Deus se envolve com um não cristão, certamente sofrerão muito por terem um jugo desigual. É exatamente por isso que o Senhor recomenda que o casamento seja feito entre pessoas que obedecem a Sua Palavra. Casamento é para a vida toda e não podemos nos arriscar. Então, é aconselhado que você se envolva com pessoas que pratiquem a mesma fé que a sua. Para isso, confie em Deus, ore e tenha paciência. E antes de envolver em um relacionamento, faça de Jesus o principal relacionamento de sua vida, confiando Nele para trazer a pessoa certa, no tempo certo.

LEIA TAMBÉM:
Mensagens sobre namoro
Deus tem a pessoa certa pra cada um?
Como superar uma decepção amorosa