Problemas na igreja

Mensagens evangelicas

Lidando com os problemas da igreja

Anúncios

Qualquer pessoa que já foi ou é membro de uma igreja há algum tempo, já viu que existem muitos problemas lá dentro. Infelizmente, muitas pessoas que a frequentam estão longe de ser aquilo que deveriam ser. Muitos irmãos fazem fofocas, outros vivem em busca da glória dos homens e não de Deus, e o pior de tudo: há pessoas dentro da igreja que fazem coisas piores do que aquelas que não conhecem a Palavra de Deus.

Contudo, congregar em uma igreja cheia de problemas não é um "privilégio" somente dos nossos tempos. O profeta Jeremias disse várias vezes que os israelitas (povo eleito por Deus) se comportavam pior do que os ímpios. "Alguma nação já trocou os seus deuses? E eles nem sequer são deuses! Mas o meu povo trocou a sua Glória por deuses inúteis. Espantem-se diante disso, ó céus! Fiquem horrorizados e abismados, diz o Senhor" (Jeremias 2:11,12).

Por mais que tentamos não desanimar, é muito difícil evitar que as atitudes das pessoas nos desmotive, e até mesmo nos faça querer abandonar a igreja. Mas não podemos desistir! Veja o exemplo da igreja de Corinto, que era uma das igrejas mais problemáticas relatadas na Bíblia:

Corinto era uma igreja dividida. Enquanto uns se diziam seguidores de Paulo, outros de Pedro, de Apolo, e outros mais "espirituais", se diziam de Jesus Cristo (1 Co 1:11-13). Nessa igreja, o orgulho também estava muito presente: aqueles que tinham o dom de línguas se consideravam superiores aos outros (1 Co 12). E se não bastasse, os membros sabiam que lá dentro havia um homem que estava se relacionando com a própria madrasta e deram as costas para o problema, sem sequer entristecerem com a situação (1 Co 5:1-2). Até mesmo em relação à Ceia, em que celebravam a morte e ressurreição de Jesus, aqueles membros causavam problemas. Enquanto uns comiam demais, outros se embebedavam com o vinho servido (1 Co 11:21).

Você percebeu como essa igreja problemática se parece com grande parte das igrejas atuais? Entretanto, para os cristãos daquela época e os de hoje, a ordem de Deus dada a Paulo continua a mesma: "Procurem aperfeiçoar-se, exortem-se mutuamente, tenham um só pensamento, vivam em paz. E o Deus de amor e paz estará com vocês" (2 Coríntios 13:11).

Apesar de todas situações ruins, Paulo escreveu essas palavras de encorajamento e os advertiu em amor, pois sabia que muitas daquelas pessoas faziam parte da noiva de Cristo (Apocalipse 21:2-3). Com isso, recebemos uma importante lição sobre os irmãos da nossa igreja: por mais que existam problemas, eles não devem ser motivo para virarmos as costas e irmos embora; pelo contrário, devemos orar e jejuar por eles.

Eu costumo dizer que a Igreja é como se fosse o jardim de Deus. Nós sabemos que um jardim possui muitas flores bonitas, mas também existem os espinhos que ferem, machucam. Porém, nem por isso o jardim perde a sua beleza e deixa de ser jardim. Então, para que servem os espinhos? Somente para nos mostrar onde podemos ou não colocar as mãos. Por isso, quando alguém tentar te ferir, lembre-se disso: "Eu preciso aprender com minhas feridas e me fortalecer em Deus. Devo olhar somente para o lado bom das coisas e agradar somente o Dono do jardim".

Muitas pessoas dizem que servem a Igreja de Cristo, mas não frequentam nenhuma igreja por causa dos defeitos dos outros. Isso quer dizer que ninguém pode depender delas. Todo cristão que nasceu de novo está unido com os outros irmãos no corpo de Cristo, e se lermos o Novo Testamento, veremos que a ênfase dele é a unidade. Por exemplo: Gálatas 6:2 diz que devemos carregar os fardos pesados uns dos outros. Mas como poderemos fazer isso se não criarmos vínculo com outros cristãos? Aprenda a lidar com as diferenças e lembre-se dessas advertências:

"Façam todo o esforço para conservar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz. Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só, há um só Senhor, uma só fé, um só batismo, um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos" (Efésios 4:3-6).

"Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas encorajemo-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês vêem que se aproxima o Dia" (Hebreus 10:25).

"Uma igreja é um hospital para pecadores, não um museu para santos” (Abigail V. Ruben).

LEIA TAMBÉM:
5 desculpas para não ir à igreja

Parábola do Joio e Trigo
Como lidar com a decepção
Estou com o coração partido

Anúncios
Anúncios
Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mensagens por Temas