5 desculpas para não ir à igreja

/uploads/posts/5 desculpas para não ir à igreja

A cada dia cresce mais o número de cristãos que não querem mais ir à igreja. Eles dizem amar a Jesus, mas não suportam a ideia de participar de uma igreja local, por diversos motivos. Eu tenho alguns amigos "desigrejados" que têm dificuldade em congregar, pois viveram a terrível experiência de serem julgados, descriminados e se decepcionaram com membros e líderes. Eu até os entendo, pois também já pensei algumas vezes em deixar de ir à igreja por razões pessoais, mas acredito que viver "desigrejado" não seja bom para ninguém.

Sei que Deus não quer que os Seus filhos vivam sozinhos, pois nem o próprio Jesus e seus discípulos fizeram isso. Então escrevi abaixo algumas desculpas que as pessoas geralmente dão, e porque acho que elas precisam mudar de ideia:

1ª desculpa) Na igreja só têm pessoas hipócritas

Sem dúvida, esta é a desculpa mais usada por aqueles que não querem frequentar uma igreja. Eu realmente concordo que existem pessoas hipócritas dentro das igrejas, mas não podemos esquecer que a igreja é como um hospital cheio de pessoas doentes, necessitadas de cura. Quando Jesus foi questionado pelos religiosos por comer com ?pecadores? e pessoas de má fama, Ele respondeu: "Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes. Eu não vim para chamar justos, mas pecadores" (Marcos 2:17).

A igreja é composta por pessoas imperfeitas que, ao se relacionarem com Deus e com os outros irmãos, buscam aprender, crescer e se aperfeiçoar. Ou seja, a igreja é feita por pessoas como você e eu. E quem nunca pecou, que atire a primeira pedra.

"Seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo. Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função" (Efésios 4:15,16).

2ª desculpa) Eu amo Jesus mas não gosto da igreja

Quando Jesus veio à terra, Ele veio para salvar homens e mulheres de todas as línguas, raças e classes sociais. A esse grupo de pessoas Ele deu o nome de "Igreja". 

O apóstolo Paulo explicou que a Igreja é como uma noiva, e Jesus, como um noivo. Agora, reflita no que um pastor disse certa vez: "Nós vivemos em uma época em que muitas pessoas dizem estar bem com Deus e mal com a Igreja. Mas isso é um grande problema, pois, gostar do noivo (Jesus) e detestar a noiva (Igreja), não dá certo. Por exemplo: não podemos dizer ao noivo que queremos jantar em sua casa, mas sem que a sua noiva participe. Se disséssemos isso, acredito que o noivo responderia assim: 'Desta maneira Eu não quero! Ela é a minha noiva, é a minha amada! Eu sei que ela ainda não é perfeita, mas ela é minha, e por isso não posso fazer nada sem a presença dela!'"

Muitas vezes, este é o argumento daqueles que querem ser chamados de cristãos, mas não querem se envolver com os irmãos, para crescerem espiritualmente. A Bíblia diz que quando o povo de Deus se reúne, o Senhor ordena a Sua bênção (Leia Salmos 133); isso porque, quando a Igreja se reúne, louvores são entoados, o nome de Deus é exaltado e a Sua Palavra é pregada, fazendo com que o alimento espiritual seja distribuído aos membros do Corpo de Cristo.

Se dissermos que amamos a Jesus, devemos também amar as mesmas coisas que Ele ama. E sabemos que Cristo ama a igreja, pois está edificando o Seu Reino sobre ela. Ele disse: "...sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não poderão vencê-la" (Mateus 16:18). Cada pessoa que recebe a Jesus como Senhor e Salvador, tem a vida transformada e começa a fazer parte desse edifício espiritual.

3ª desculpa) Eu não tenho tempo para ir à igreja

Quem nunca ouviu ou deu esta desculpa para alguém? Todos nós temos 24 horas por dia e sempre damos prioridade para aquilo que achamos mais importante ou mais prazeroso. Ficamos tão envolvidos nessas coisas que nem vemos o tempo passar. Quer alguns exemplos? Ficamos horas e horas na internet, batendo papo, jogando, vendo filmes, séries, etc. Enfim, sempre arrumamos tempo para fazer o que gostamos. Então, se não temos tempo para nos reunirmos com pessoas que creem no mesmo Deus que nós, estamos dizendo que o Reino de Deus não é a nossa prioridade.

"Tenham cuidado com a maneira como vocês vivem; que não seja como insensatos, mas como sábios, aproveitando ao máximo cada oportunidade, porque os dias são maus. Portanto, não sejam insensatos, mas procurem compreender qual é a vontade do Senhor" (Efésios 5:15-17).

4ª desculpa) Na igreja todos querem controlar minha vida

Na Igreja encontramos de tudo: pessoas que estão começando na caminhada com Deus, outras que já são maduras, mas ainda têm coisas a melhorar, e aquelas que falham bastante em muitas áreas da vida.

O problema é que, muitas vezes, confiamos demais nas pessoas, dependemos muito delas e esquecemos que elas podem falhar conosco. Com isso, nos decepcionamos, pois temos a falsa ideia de que todos os cristãos são "anjos sem asas" e esquecemos que são humanos como nós.

Sim, há muitas pessoas intrometidas, que às vezes, querem tanto ajudar, que acabam sendo controladoras e manipuladoras. Mas Jesus morreu por elas também e devemos pedir a Deus paciência e sabedoria para vivermos em harmonia. Isso é possível quando nos lembramos do quanto Deus é paciente conosco, e nos ama apesar de nossas falhas.

5ª desculpa) Ainda não estou preparado

Se você leu até aqui, você já entendeu que a igreja não é um lugar de pessoas perfeitas, mas sim daqueles que querem se aperfeiçoar. E para fazer parte de uma igreja, você só precisa entregar seu coração e a sua vida para Jesus, pois é Ele quem vai te transformar. Não pense que você irá consegue vencer sozinho o pecado, o mundo e as provações. Você precisa da ajuda do Espírito Santo e das pessoas que fazem parte da família de Deus; então não deixe de frequentar uma igreja por achar que você ainda não está preparado.

Não há desculpas para não ir à igreja

Acabei de apresentar a você 5 desculpas comuns que as pessoas dão para não frequentarem uma igreja. Mas o meu conselho é que você não siga a onda dos "desigrejados" que pensam que podem servir a Deus sozinhos, sem se envolver com outros irmãos em Cristo. Valorize a comunhão assim como a igreja de Atos, e obedeça a ordem do apóstolo Paulo: "Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas encorajemo-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês vêem que se aproxima o Dia" (Hebreus 10:25).

LEIA TAMBÉM:
Lidando com os problemas da igreja
A parábola do joio e trigo
Tenha Deus como prioridade