Desespero e desobediência a Deus

/uploads/posts/Desespero e desobediência a Deus

"Lá de dentro do peixe, Jonas orou ao Senhor, ao seu Deus. Ele disse: "Em meu desespero clamei ao Senhor, e ele me respondeu. Do ventre da morte gritei por socorro, e ouviste o meu clamor" (Jonas 2:1-2).

Nós sabemos que em certos momentos da vida aquela sensação de desespero pode vir, e é justamente quando o desespero vem, que percebemos com mais clareza o quanto Deus é tudo em nossas vidas. Aliás, se analisarmos com atenção, veremos que o nosso maior crescimento vem através das lutas, e não nos tempos de paz.

O Antigo testamento da Bíblia mostra de forma bem clara o quanto um relacionamento quebrado com Deus leva ao desespero. Adão e Eva são o principal exemplo disso. Quando eles contrariaram a ordem divina, ao comeram o fruto da Árvore do conhecimento do Bem e do Mal, eles ficaram desesperados e tentaram se esconder de Deus. Aquela árvore, apesar de ter frutos lindos e saborosos, não podia ser tocada, pois no dia em que eles a comessem, certamente morreriam. Deus deu essa ordem pois queria que eles escolhessem obedecê-Lo por amor, e não por medo.

Mas Eva não confiou em Deus e preferiu dar ouvidos aos enganos da serpente, que a levou ao pecado da desobediência. Através da cobra, Satanás conseguiu, por meio de sua experiência (já que ele foi expulso do céu, e antes estava ao lado de Deus como anjo de Luz); fazer com que a mulher pecasse, por desobedecer a Deus. Adão, por sua vez, sem medir as consequências, aceitou a fruta trazida por Eva e acabou comendo o fruto da Árvore proibida. Ao pôr do sol, como de costume, Deus veio visitar o Jardim e chamou o homem e a mulher: "Adão e Eva, onde vocês estão?" Ao ouvirem o chamado de Deus e saberem que tinham feito algo errado, se esconderam, como se isso fosse possível. Isso nos mostra que o desespero nos deixa cegos para o que realmente está acontecendo.  Em seguida, ao perceber que estavam escondidos e que haviam desobedecido, Deus pergunta quem foi. Então, Adão culpou Eva dizendo: "Foi a mulher que me deste por companheira que me deu do fruto da árvore, e eu comi" (Gn 3:12). Eva também não assumiu a desobediência e transferiu a culpa para a Serpente - "A serpente me enganou, e eu comi" (Gn 3:13)

Desesperados, Adão e Eva não enxergaram a própria condição miserável em que estavam. O medo e desespero era tão grande que isso fez com que eles não tivessem mais uma comunhão íntima com Deus. Isso acontece com a gente também.  O nosso medo no dia-a-dia, assim como o medo sentido por Adão e Eva, rompem o nosso relacionamento com Deus, pois o pecado gera a culpa, e a culpa gera o sentimento de medo. Com isso, ao ficarmos desesperados, começamos também a ter conflitos em nossos relacionamentos com as pessoas; pois se estamos feridos, acabamos ferindo também as outras pessoas.

Vemos isso de forma clara na vida deste casal, já que antes Adão considerava Eva como "carne da minha carne" (Gênesis 2:23), mas bastou sentir o medo de Deus, que essa mulher tão amada se tornou depois: "a mulher que Tu em deste" (3:12). Pronto, a partir daí estava quebrada a harmonia entre homem e mulher, o que acontece até os dias de hoje, desde o primeiro casal. Para sentir a ausência de Deus, foi preciso que Adão e Eva sentissem o desespero. Pois foi com este sentimento que eles perceberam o quanto era maravilhoso estar em harmonia com Deus - uma harmonia entre o Criador e Sua criação.

Essa história nos revela o desespero que sentimos ao ficarmos longe da presença de Deus. É por isso que o mundo está desesperado do jeito que está. As pessoas inventam uma tranquilidade, uma vida onde tudo vai bem; mas na verdade, o que mais vemos são pessoas desesperadas, ansiosas, inseguras, com medo etc. Existem hoje milhares de religiões, cursos de auto-ajuda, profissionais que ajudam nos conflitos da alma, mas o ser humano nunca atinge a paz verdadeira, pois estar só pode ser conquistada através de um relacionamento íntimo com Deus.

Outra passagem que deixa claro isso é a que conta sobre a vida de Jonas. Este homem enfrentou o desespero por desobedecer a Deus. Jonas vivia tranquilamente até receber uma ordem do Senhor - Ele deveria sair de sua terra natal e ir até a cidade de Nínive. Lá, a sua missão era dizer ao povo que se arrependessem de seus pecados e se voltassem para Deus, e só assim eles seriam salvos da condenação. Mas Jonas desobedeceu a ordem de Deus e não foi para a cidade indicada. Pelo contrário, Jonas fugiu e tentou se esconder da presença de Deus. Ele entrou em um barco de viajantes e se abrigou nos fundos. Dormindo, Jonas não percebeu que uma tempestade se formou e quando a chuva forte e os ventos vieram, ele acordou desesperado. A tripulação, também aflita, começou a jogar no mar tudo o que havia no barco, mas Jonas sabia a real causa da tempestade (sua desobediência a Deus) e então pediu para ser lançado no mar. Quando isso aconteceu, as águas se acalmaram e o barco voltou a seguir tranquilamente seu caminho. Já Jonas, foi surpreendido por um enorme peixe que o engoliu vivo (Jonas 1: 15,17).

Depois de três dias dentro do grande peixe, é difícil mensurar o tamanho do desespero de Jonas. Ele ficou lá para que se arrependesse de sua desobediência a Deus. Depois de se arrepender e orar bastante, o peixe o vomitou e aí sim Jonas foi cumprir o pedido do Senhor.

Nestes dois casos, a desobediência trouxe desespero tanto para Jonas quanto para Adão e Eva. Arrependidos, seguiram as ordens de Deus e seguiram suas vidas entendendo que a desobediência a DEUS é um caminho com consequências graves. Que o desespero venha para nos ensinar o quanto precisamos buscar a Deus, igual o salmista, que em situação de desespero, buscou o seu socorro. "Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra" (Salmos 121:1-2).

Devemos saber que a única coisa que nos tira o desespero, é a nossa comunhão com Deus, e isso nenhuma religião pode fazer, nem mesmo nossas boas obras. Mas somente o Filho de Deus - Jesus Cristo, que pagou o preço pelo nosso pecado na cruz e hoje, somente o Seu sangue pode nos dar acesso novamente à presença do Deus vivo e verdadeiro.

Veja aqui como você pode aceitar Jesus

LEIA TAMBÉM:
Parábolas de Jesus
Esboços de Pregação
Lindas mensagens