Aviva a Tua obra, ó Senhor

Esboços de pregações

Aviva a Tua obra, ó Senhor

Anúncios

"Senhor, ouvi falar da tua fama; temo diante dos teus atos, Senhor. Realiza de novo, em nossa época, as mesmas obras, faze-as conhecidas em nosso tempo; em tua ira, lembra-te da misericórdia" (Habacuque 3:2).

A Bíblia mostra que Deus criou a Igreja e tudo o que há nela é obra dEle. Por isso, se você nasceu de novo espiritualmente, creia que Ele também tem uma obra em sua vida! Talvez você não será um pastor, evangelista ou ministro de louvor, mas Ele quer fazer uma obra única e especial em sua vida e através de você.

Porém, para que essa transformação aconteça, você não pode achar que a santificação virá por meio do seu esforço. É certo que você precisará se dedicar bastante, mas você deve sempre acreditar que toda capacitação virá do Senhor! A Bíblia mostra que a vida cristã é cheia de desafios e impecilhos para que façamos a obra de Deus, e sem notarmos, vamos nos desviando do caminho que o Pai traçou para nós e nos esfriamos espiritualmente. Se você chegou nesse ponto, peça a Deus para acender a chama do "primeiro amor" novamente no seu coração.

Quero apresentar três razões que mostram que estamos precisando de um avivamento pessoal:

1) Nossa conduta tem sido falha

Em Romanos 2:1-8 está escrito: "Portanto, você, que julga, os outros é indesculpável; pois está condenando a si mesmo naquilo em que julga, visto que você, que julga, pratica as mesmas coisas. Sabemos que o juízo de Deus contra os que praticam tais coisas é conforme a verdade. Assim, quando você, um simples homem, os julga, mas pratica as mesmas coisas, pensa que escapará do juízo de Deus? Ou será que você despreza as riquezas da sua bondade, tolerância e paciência, não reconhecendo que a bondade de Deus o leva ao arrependimento? Contudo, por causa da sua teimosia e do seu coração obstinado, você está acumulando ira contra si mesmo, para o dia da ira de Deus, quando se revelará o seu justo julgamento. Deus 'retribuirá a cada um conforme o seu procedimento'. Ele dará vida eterna aos que, persistindo em fazer o bem, buscam glória, honra e imortalidade. Mas haverá ira e indignação para os que são egoístas, que rejeitam a verdade e seguem a injustiça".

Hoje em dia é fácil ser membro de uma igreja. O número de evangélicos tem aumentado muito no Brasil, porém, isso não quer dizer que o número de pessoas desonestas, corruptas e trapaceiras diminuiu. E o número de viciados: será que tem caído? Ganância e malandragem? Infelizmente, a nossa geração está igual ou pior do que as de outras épocas. Não é porque o número de "crentes" aumentou que nos tornamos pessoas melhores. Por isso precisamos tanto de um avivamento!

2) Nossas conversas não condizem com a nossa fé

"Meus irmãos, não sejam muitos de vocês mestres, pois vocês sabem que nós, os que ensinamos, seremos julgados com maior rigor. Todos tropeçamos de muitas maneiras. Se alguém não tropeça no falar, tal homem é perfeito, sendo também capaz de dominar todo o seu corpo" (Tiago 3:1,2).

Quando você for conversar com um amigo cristão, preste atenção no diálogo. Quantas vezes vocês falaram de Deus e do Seu Reino nos últimos 30 minutos de bate-papo? Aposto que quase nada - para não dizer absolutamente nada!

O que você conversa com a sua família durante o almoço de domingo? Será que o assunto tem a ver com a fé em Cristo e a esperança que vocês têm nEle? E quando você sair daqui hoje: qual será o tema de sua conversa com os amigos? 

3) Nossa comunhão com Deus está fraca

Mesmo que nossa conduta seja impecável e falemos de nossa fé a todos os que conhecemos, posso dizer que estamos falhando na comunhão com Deus. Seja sincero: Qual foi a última vez que você rasgou o seu coração para Deus? Qual foi a última vez que você sentiu Deus te tocar? Será que não estamos mais contentes e satisfeitos com as coisas desse mundo do que com as coisas de Deus? Reflita.

Eu acabei de mostrar que precisamos de um avivamento. Agora, falarei sobre as formas de conseguir esse avivamento usando o exemplo de Habacuque:

a) Você precisa orar mais

Habacuque orou: "Realiza de novo, em nossa época, as mesmas obras, faze-as conhecidas em nosso tempo; em tua ira, lembra-te da misericórdia". Esse é o nosso problema: queremos o avivamento, mas não oramos por ele. É preciso clamar ao Senhor para que Ele faça em nós as mesmas obras realizadas no passado! Mas o que faz alguém buscar um avivamento?

- A insatisfação com a sua espiritualidade;

- A sensação de tristeza e saudade quando alguém te diz que está experimentando a presença do Senhor;

- Quando pessoas estão avivadas perto de você na igreja ou em outro lugar e você não sente nada de especial.

Se você se sente assim, comece a clamar a Deus todos os dias!

b) Não tome nenhuma decisão por conta própria

Não diga: "Vou sair daqui hoje e vou avivar a mim mesmo sozinho". Não diga: "vou me avivar". Em vez disso, diga: "Senhor, aviva a Tua obra!". Achar que você é espiritualmente autossuficiente mostra que você não conhece a sua situação. Sem Deus, é impossível ser avivado! Seria o mesmo que mandar um soldado ferido nas pernas e nos braços procurar um hospital. Então comece a orar assim: Senhor, faça por mim o que eu não consigo fazer por mim mesmo. Em nome de Jesus. Amém.

LEIA TAMBÉM:
Vários esboços de pregação
A chave para o avivamento de um país

Anúncios
Anúncios
Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mensagens por Temas