A alegria de ser usado por Deus

/uploads/posts/A alegria de ser usado por Deus

Eu e você nascemos para cumprir o chamado de Deus. Primeiro Deus nos salva, liberta, restaura, destrói a obra do inimigo. Depois, Ele nos envia para sermos bênção na vida das outras pessoas. Vamos ver quando Jesus enviou os Seus discípulos:

"Depois disso o Senhor designou outros setenta e dois e os enviou dois a dois, adiante dele, a todas as cidades e lugares para onde ele estava prestes a ir. E lhes disse: ‘A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos. Portanto, peçam ao Senhor da colheita que mande trabalhadores para a sua colheita. Vão! Eu os estou enviando como cordeiros entre lobos. Não levem bolsa nem saco de viagem nem sandálias; e não saúdem ninguém pelo caminho. Quando entrarem numa casa, digam primeiro: Paz a esta casa. Se houver ali um homem de paz, a paz de vocês repousará sobre ele; se não, ela voltará para vocês. Fiquem naquela casa, e comam e bebam o que lhes derem, pois o trabalhador merece o seu salário. Não fiquem mudando de casa em casa. Quando entrarem numa cidade e forem bem recebidos, comam o que for posto diante de vocês. Curem os doentes que ali houver e digam-lhes: O Reino de Deus está próximo de vocês. Mas quando entrarem numa cidade e não forem bem recebidos, saiam por suas ruas e digam: Até o pó da sua cidade, que se apegou aos nossos pés, sacudimos contra vocês. Fiquem certos disto: O Reino de Deus está próximo. Eu lhes digo: Naquele dia haverá mais tolerância para Sodoma do que para aquela cidade. Ai de você, Corazim! Ai de você, Betsaida! Porque se os milagres que foram realizados entre vocês o fossem em Tiro e Sidom, há muito tempo elas se teriam arrependido, vestindo roupas de saco e cobrindo-se de cinzas. Mas no juízo haverá menor rigor para Tiro e Sidom do que para vocês. E você, Cafarnaum: será elevada até o céu? Não; você descerá até ao Hades! Aquele que lhes dá ouvidos, está me dando ouvidos; aquele que os rejeita, está me rejeitando; mas aquele que me rejeita, está rejeitando aquele que me enviou’. Os setenta e dois voltaram alegres e disseram: ‘Senhor, até os demônios se submetem a nós, em teu nome’" (Lucas 10:1-17).

Vejam a alegria dos discípulos por terem feito a vontade de Jesus! Às vezes ficamos com medo e tímidos e nem tentamos, porque pensamos que não seremos capazes, que fracassaremos. Mas todos que dão um passo de fé são recompensados!

Vejamos esse diálogo entre Jesus e os discípulos: "’O que acham? Havia um homem que tinha dois filhos. Chegando ao primeiro, disse: Filho, vá trabalhar hoje na vinha. E este respondeu: Não quero! Mas depois mudou de ideia e foi. O pai chegou ao outro filho e disse a mesma coisa. Ele respondeu: Sim, senhor! Mas não foi. Qual dos dois fez a vontade do pai?’ ‘O primeiro’, responderam eles. Jesus lhes disse: ‘Digo-lhes a verdade: Os publicanos e as prostitutas estão entrando antes de vocês no Reino de Deus. Porque João veio para lhes mostrar o caminho da justiça, e vocês não creram nele, mas os publicanos e as prostitutas creram. E, mesmo depois de verem isso, vocês não se arrependeram nem creram nele’" (Mateus 21:28-32).

Pessoas comuns, desprezadas, que tinham todo para dar errado na vida estão fazendo a vontade de Deus. Aqueles discípulos eram novos na fé, inexperientes, e não foi fácil. Vejamos:

- "E lhes disse: ‘A colheita é grande, mas os trabalhadores são poucos. Portanto, peçam ao Senhor da colheita que mande trabalhadores para a sua colheita’" (Lucas 10:2). Jesus sabia que aqueles homens teriam muito trabalho e que seriam uma minoria;

- "Vão! Eu os estou enviando como cordeiros entre lobos" (Lucas 10:3); O Senhor também os alertou que eles teriam que lidar com pessoas difíceis;

- "Mas quando entrarem numa cidade e não forem bem recebidos, saiam por suas ruas e digam: ‘Até o pó da sua cidade, que se apegou aos nossos pés, sacudimos contra vocês. Fiquem certos disto: O Reino de Deus está próximo’" (Lucas 10:10,11). Por fim, Jesus os avisou que eles seriam rejeitados por muitos e que iriam se deparam com muitas portas fechadas.

Mas qual foi o resultado? Havia alegria, ânimo, paz! Paulo disse: "Portanto, também nós, uma vez que estamos rodeados por tão grande nuvem de testemunhas, livremo-nos de tudo o que nos atrapalha e do pecado que nos envolve, e corramos com perseverança a corrida que nos é proposta, tendo os olhos fitos em Jesus, autor e consumador da nossa fé. Ele, pela alegria que lhe fora proposta, suportou a cruz, desprezando a vergonha, e assentou-se à direita do trono de Deus" (Hebreus 12:1,2).

Mas por que a obediência a Deus dá tanto prazer?

1) Ser usado por Deus nos dá a sensação de realização - pois nascemos para agradá-Lo

Não corra atrás do chamado, porque o chamado já está correndo atrás de você. Corra atrás de Deus! Em tempo de perseguição, Barnabé foi enviado pelos apóstolos à Antioquia. Lá, ele viu pessoas se convertendo e se alegrou - "Ali chegando e vendo a graça de Deus, ficou alegre e os animou a permanecerem fiéis ao Senhor, de todo o coração" (Atos 11:23).

E Jonas? Ele endureceu o coração e foi egoísta. Ele não quis a graça de Deus e, por isso, não se alegrou.

2) Além da realização de ser usado por Deus, nos alegramos em ver o mal perdendo

Veja o que a Bíblia diz: "Os setenta e dois voltaram alegres e disseram: ‘Senhor, até os demônios se submetem a nós, em teu nome’. Ele respondeu: ‘Eu vi Satanás caindo do céu como relâmpago.’(...) Naquela hora Jesus, exultando no Espírito Santo, disse: ‘Eu te louvo, Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos e as revelaste aos pequeninos. Sim, Pai, pois assim foi do teu agrado'" (Lucas 10:17,18;21).

LEIA MAIS:
Como ser cheio do Espírito Santo
O que significa ser discípulo de Jesus