Deus corrige os seus filhos

/uploads/posts/Deus corrige os seus filhos

"Nenhuma disciplina parece ser motivo de alegria no momento, mas sim de tristeza. Mais tarde, porém, produz fruto de justiça e paz para aqueles que por ela foram exercitados" (Hebreus 12:11).

Todo pai quer que o seu filho ande pelo caminho correto. Se o filho tem se comportado mal, o pai vai buscar uma maneira de discipliná-lo, vai corrigí-lo para que, no futuro, ele não sofra com as consequências de seus erros. E como bom Pai que é, Deus faz o mesmo conosco: "Pois o Senhor disciplina a quem ama, e castiga todo aquele a quem aceita como filho" (Hebreus 12:6).

Nós somos seres humanos e, por isso, falhamos muitas vezes. Tomamos decisões erradas, temos desejos pecaminosos, assumimos posturas desagradáveis. E é lógico que Deus não ficaria de braços cruzados ao ver tudo isso acontecer. É aí, então, que Ele vem para nos disciplinar.

Deus sabe de todas as coisas e enxerga o que não conseguimos enxergar. Nós vemos o agora, mas Ele vê o futuro. Por isso só Ele sabe o que é melhor para cada um de nós. Se nascemos de novo espiritualmente e começarmos a fazer algo que está fora dos Seus planos, Ele terá que nos disciplinar. No entanto, por mais que Deus nos coloque em disciplina, Ele não nos abandona nunca. Ele sempre estará ao nosso lado nos confortando, até que aprendamos a lição e voltemos a ser obedientes: "Nunca o deixarei, nunca o abandonarei" (Hebreus 13:5). Isso é maravilhoso!

Então, antes de reclamar, lembre-se do que a Palavra diz: "Meu filho, não despreze a disciplina do Senhor nem se magoe com a sua repreensão, pois o Senhor disciplina a quem ama, assim como o pai faz ao filho de quem deseja o bem" (Provérbios 3:11-12). Mesmo que aos seus olhos pareça que a correção de Deus é motivo de tristeza, saiba que Ele é o seu Pai e não fará nada que não seja bom para você.